quinta-feira, 28 de janeiro de 2021

Conselho de Ética da Assembleia arquiva processos de quebra de decoro contra três deputados cearenses


O Conselho de Ética da Assembleia Legislativa do Ceará resolveu arquivar os três processos por quebra de decoro parlamentar que ainda tramitavam no colegiado. 

As ações foram abertas contra os deputados estaduais Osmar Baquit (PDT), Leonardo Araújo (MDB) e André Fernandes (Republicanos). As investigações haviam sido pedidas ainda em 2020. 

No caso de Osmar Baquit e Leonardo Araújo, os dois responderam junto um processo que envolvia troca de ofensas e acusações entre os dois parlamentares durante uma sessão plenária do dia 10 de março do ano passado.

Já André Fernandes respondia por ter divulgado, sem provas, acusações aos médicos cearenses de que eles estariam adulterando atestados de óbitos devido a supostas pressões do secretário de saúde do estado, Dr. Cabeto.

Nestes casos, foi formado um sub-conselho para receber os processos e ouvir as defesas dos parlamentares. Relator das três, o deputado Guilherme Landim (PDT) pediu pelo arquivamento, sendo acompanhado pelos demais integrantes do Conselho.


Nenhum comentário:

Postar um comentário