terça-feira, 27 de outubro de 2020

Aprovação do governo Bolsonaro sobe para 41,2% e desaprovação cai, aponta pesquisa


O governo de Jair Bolsonaro tem aprovação de 41,2% dos brasileiros, conforme pesquisa divulgada na última segunda-feira, 26, da CNT/MDA. Em maio, o índice estava em 32%.

Entre os que consideram o governo regular, o percentual de 22,9% subiu para 30,3%. Ainda segundo a pesquisa, 43,4% avaliavam a gestão como ruim ou péssimo em maio. Agora, são 27,2%.

O estudo ouviu 2.002 eleitores entre os dias 21 e 24 deste mês em 137 municípios. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais. O levantamento repercute a percepção do brasileiro sobre a pandemia e questões relacionadas à economia, como o auxílio-emergencial, preço dos produtos e serviços e renda mensal.

Agenor Neto lidera corrida eleitoral para a prefeitura de Iguatu

Instituto Zaytec Brasil divulgou a primeira pesquisa na disputa pela prefeitura de Iguatu. O candidato do MDB, Agenor Neto lidera com folga, com 44% de intenções de votos na pesquisa estimulada.

O atual prefeito de Iguatu, Ednaldo Lavor (PSD) vem logo em seguida com 29,5% dos votos. Em terceiro aparece o deputado Marcos Sobreira, com 7,3% de intenções de votos.

O tenente Mulato (PL) fica na quarta colocação com 1%, e o candidato do Psol, Mácio, com 0,3%.

Os candidatos Augusto Braga (PMN), Dr. Samuel (PTB) e Carlos Silva não pontuaram

A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sob o nº CE-04202/2020.  

O instituto ouviu 400 eleitores, entre os dias 22 e 25 de outubro. A margem de erro é de 5%.

 

terça-feira, 6 de outubro de 2020

Justiça Eleitoral poderá investigar cirurgias de catarata em troca de apoios políticos em Iguatu


É de gerar indignação em cada cidadão iguatuense a forma pela qual a Prefeitura de Iguatu vem tratando as pessoas que necessitam fazer uma cirurgia de catarata pelo Sistema Único de Saúde.

Uma situação de descaso, de desumanidade. Deixar dezenas de pessoas aguardando numa fila por mais de ano para um simples procedimento cirúrgico rápido e barato.

Após 3 anos e 9 meses de administração, com muitos recursos nos cofres municipais, só agora, na época do período eleitoral,  os responsáveis pela gestão do município vieram se atentar para as necessidades do povo.

E tem mais: conversas que correm nos bastidores da política local é que essas cirurgias de catarata estariam servindo como moeda de troca para o dia da eleição, um absurdo.

Um ato criminoso que deve ser investigado pela Justiça Eleitoral. 

Uma vergonha!


domingo, 4 de outubro de 2020

TSE defere registro de quatro candidaturas ao cargo de prefeito em Iguatu


O Tribunal Superior Eleitoral deferiu nesta sexta-feira (2) o registro de candidaturas para postulantes ao cargo de prefeito no município de Iguatu.

O deputado Agenor Neto, que disputa pelo MDB, foi o primeiro nome a ser deferido pela Justiça Eleitoral. Em seguida aparece, com seus registros deferidos, Carlos Silva (PSTU), Ednaldo Lavor (PSD) e José Mácio (PSOL).  

Ainda aguardam julgamento as candidaturas de Augusto Correia (PMN), Jarim Antunes (PMB), Marcos Sobreira (PDT) e Tenente Mulato (PL).

No pleito deste ano, oito nomes disputam o cargo de prefeito e 196 candidatos disputam 17 vagas na Câmara de Iguatu.

De acordo com sondagens eleitorais feitas para consumo interno dos partidos, o deputado Agenor Neto é o grande favorito, com a maior preferência do eleitorado. Em seguida vem o atual prefeito Ednaldo Lavor, e em terceiro o deputado estadual Marcos Sobreira.

O clima eleitoral em Iguatu, por enquanto, permanece tranquilo. É natural, para um início de campanha sendo feita dentro de um ambiente de pandemia.