segunda-feira, 27 de janeiro de 2020

Descaso no transporte público da saúde de Iguatu


Continua repercutindo de forma negativa, nas redes sociais e em outros meios de comunicação, o caso do ônibus da Prefeitura de Iguatu que foi apreendido por estar com 3 anos sem renovar o licenciamento, além de 86 multas e uma restrição.

O veículo transportava de volta para suas residências, em Iguatu, diversos pacientes que fazem tratamento contínuo em Fortaleza, quando foi abordado pela Polícia Rodoviária e preso.

O fato causou ampla repercussão na cidade, afinal com tanto dinheiro que entra nos cofres da Prefeitura, não regularizar o ônibus estaria beirando, no mínimo a um crime por improbidade administrativa.

Afinal, são vidas de pessoas que estão em jogo. Uma vergonha!


Nenhum comentário:

Postar um comentário