segunda-feira, 13 de janeiro de 2020

Descaso no CAPS de Iguatu

O descaso administrativo promovido pela administração do prefeito Ednaldo Lavor levou a promotoria de Justiça de Iguatu, a solicitar, em caráter de urgência, providências quanto a real situação de abandono em que se encontra o Centro de Atenção Psicossocial da Criança e do Adolescente do município.

Falta de alvará de funcionamento junto ao Corpo de Bombeiros; falta de privacidade para os atendimentos e acessibilidade; ausência de profissionais durante a inspeção, foram alguns dos problemas encontrados pela promotoria de Justiça.

Uma vergonha!

Por meio de documento, a 3ª Promotoria solicitou, no prazo de 15 dias, a regularização dos problemas identificados durante a visita do órgão, sob pena de adoção de medidas judiciais e extrajudiciais cabíveis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário