terça-feira, 15 de dezembro de 2020

STF inocenta Eunício Oliveira de recebimento de propina


A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta terça-feira (15) arquivar um inquérito que investigava o ex-senador Eunício Oliveira.

Eunício era acusado de receber R$ 2,1 milhões de propina da construtora Odebrecht para facilitar a aprovação de medidas provisórias favoráveis aos interesses da companhia.

Por três votos a dois, os ministros da Suprema Corte atenderam a um pedido da defesa do ex-parlamentar para encerrar o inquérito, aberto em abril de 2017, no âmbito da Operação Lava Jato.

A maioria dos ministros entendeu que não havia justa causa para prosseguir com as apurações e que não foram reunidas provas suficientes para sustentar as acusações.

Prefeito de Iguatu na mira da Justiça Eleitoral


A Justiça Eleitoral analisa uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral - AIJE, proposta pela coligação Iguatu Feliz de Novo, que investiga obras de pavimentação asfáltica realizada no município de Iguatu durante a fase final da campanha eleitoral que reelegeu o atual prefeito, Ednaldo Lavor (PSD).

Consta anos autos que a Prefeitura de Iguatu realizou dois processos licitatórios para obras de pavimentação asfáltica na cidade com o mesmo objeto, e também sem um fundo específico para o pagamento das obras à empresa que realizou os serviços.

Na ação, consta também que, mesmo com as obras prontas, até agora não foi realizado nenhum pagamento à empresa, o que pode se deduzir que houve uma espécie de uso eleitoreiro nas obras com o fim específico de melhorar a imagem do atual gestor, que inclusive disputou o pleito.

Se ação for acatada, o prefeito e o vice podem ter suas candidaturas cassadas por abuso de poder político e econômico no pleito deste ano. 

Quem viver verá!


terça-feira, 8 de dezembro de 2020

Deputado André Fernandes vai responder outro processo no Conselho de Ética


O Conselho de Ética da Assembleia Legislativa do Ceará decidiu abrir processo de investigação por quebra de decoro parlamentar contra os deputados estaduais Ormar Baquit (PDT), Leonardo Araújo (MDB) e André Fernandes (Republicanos).

As ações foram protocoladas em maio deste ano, no entanto, somente agora foram aceitas pelo Conselho de Ética da Casa.

Osmar Baquit e Leonardo Araújo irão responder juntos, numa ação protocolada pelo Pros, num episódio em que os dois parlamentares chegaram a trocar ofensas e acusações durante a sessão plenária do dia 10 de março deste ano.

Já André Fernandes irá responder por ter denunciado, sem aprofundamento ou provas, acusações aos médicos cearenses e ao titular da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), de que eles estariam adulterando atestados de óbitos devido a supostas pressões do secretário da Saúde, Dr. Cabeto. 

Outros dois processos que tramitavam contra André Fernandes foram arquivados.


Deputado Evandro Leitão é eleito o novo presidente da Assembleia Legislativa do Ceará


Foi eleita, por unanimidade, a nova chapa que irá compor a Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Ceará no biênio 2021/2022. A presidência ficará com o deputado Evandro Leitão, do PDT. Fernando Santana (PT), segue como 1º vice-presidente; Danniel Oliveira (MDB), 2º vice-presidente; Antônio Granja (PDT), 1º secretário; Audic Mota (PSB), 2ª secretário; Érika Amorim (PSD), 3ª secretária e Apóstolo Luiz Henrique, como 4º secretário.

Ao discursar, após ser aclamado presidente com 44 votos, do total de 46 membros da Casa,  Evandro Leitão prometeu parcerias com o Executivo e Judiciário durante sua gestão na Assembleia.

Durante a sessão para escolha da chapa, dois deputados não compareceram: André Fernandes (Republicanos) e Aderlânia Noronha (SD). 


terça-feira, 1 de dezembro de 2020

Hospital Dr. Agenor Araújo continua sem receber recursos para custeio de leitos de UTI


O Hospital e Maternidade Dr. Agenor Araújo passa por dificuldades financeiras. Os recursos no valor de R$ 960 mil enviados pelo Governo Federal e mais R$ 600 mil do Governo do Estado estão creditados nas contas da Secretaria da Saúde de Iguatu, mas até agora esse dinheiro não foi repassado para o verdadeiro dono, que é o Hospital Agenor Araújo.

Os recursos tem fins específicos e vão servir para que o Hospital cubra os custos com os 10 leitos de UTI instalados na unidade de saúde.

Recentemente, em ofício encaminhado à Promotoria de Justiça de Iguatu, o hospital solicitou a intermediação do órgão fiscalizador, no entanto até nada foi resolvido.

A situação é de impasse. A Prefeitura de Iguatu, por meio da Secretaria Municipal da Saúde alega que os 10 leitos de UTI do HMAA não estão funcionando em sua plenitude. De fato o problema existe por conta de cinco respiradores que apresentaram defeito no mês de outubro.

O hospital, inclusive, tentou acelerar a resolução do conserto dos aparelhos, mas esbarrou no trâmite burocrático por conta dos equipamentos serem importados da China.

Segundo a direção do Hospital, através da diretora Edeiza Ataliba, em contato com a empresa responsável pela aquisição dos equipamentos, foi estipulado um prazo para o dia 26 de novembro para que uma visita técnica pudesse ser feita ao hospital para uma possível manutenção dos respiradores. De acordo com Edeiza, até agora o prazo não foi cumprido, mas os contatos estão sendo mantidos para que o problema nos equipamentos possam ser solucionados.

Fernando Santana, Sérgio Aguiar, Tin Gomes e Zezinho querem Presidência da Assembleia


A corrida pela Presidência da Assembleia Legislativa está movimentando os bastidores políticos e mexe, principalmente, com os deputados que querem a cadeira hoje ocupada pelo prefeito eleito de Fortaleza, José Sarto, do PDT.

Sarto renunciará ao mandato logo após ser diplomado prefeito para tomar posse, no dia primeiro de janeiro, no cargo a ser entregue pelo atual prefeito Roberto Cláudio.

Com a saída de Sarto, a presidência da Assembleia passa a ser disputada pelos deputados estaduais Zezinho Albuquerque, Sérgio Aguiar e Tin Gomes. A lista de pretendentes tem, ainda, o vice-presidente Fernando Santana e os deputados estaduais Evandro Leitão e Antônio Granja.

Alguns são citados como possíveis candidatos, mas a lista de nomes fica restrita porque, pelas informações de bastidores obtidas, nessa terça-feira, pela redação do site cearaagora, o pedetista Evandro Leitão teria declinado da pretensão de concorrer ao cargo.

O deputado Antônio Granja é citado como candidato, mas, até o momento, não fez declaração assumindo o desejo de concorrer ao comando da Assembleia Legislativa

segunda-feira, 30 de novembro de 2020

Vitória de Sarto provoca desabafo de Ciro contra "bolsonarismo"


O ex-ministro Ciro Gomes (PDT) se manifestou sobre o resultado da eleição em Fortaleza, neste domingo (29), através das redes sociais.

Ciro declarou que a sociedade civil de Fortaleza salvou a cidade do bolsonarismo corrupto e vencido.

A delaração de Ciro, em tom de desabafo, mostra o nível da disputa e o risco político que seu grupo corria na Capital.

O pedetista também reconheceu o valor dos aliados e disse que Roberto Cláudio e Camilo lideraram a luta vitoriosa na eleição.   

sábado, 28 de novembro de 2020

Ex-deputado José Ilo recebe alta da UTI


O ex-deputado José Ilo se recupera bem no Hospital Monte Klinikum, em Fortaleza. A informação foi divulgado pelo seu filho, o deputado estadual Agenor Neto, que postou foto nas redes sociais ao lado do pai e do prefeito de Solonópole, Webston Pinheiro.

O ex-deputado estava internado na UTI desde a semana passada, apresentando um quadro de febre e infecção bacteriana. Mantido o tratamento, com a consequente melhora, ele foi transferido para um leito de enfermaria.

O deputado Agenor Neto gravou um vídeo para as redes sociais e agradeceu aos milhares de iguatuenses que se uniram em corrente de oração para o restabelecimento da saúde do Dr. José Ilo. 


sexta-feira, 27 de novembro de 2020

Governador Camilo antecipa decreto de isolamento social e nega novo lockdown


Nesta quinta-feira (26), o governador Camilo Santana (PT) anunciou que irá antecipar para esta sexta-feira (27), a publicação do decreto semanal em relação as regras de distanciamento social.

De acordo com Camilo, por conta da divulgação de informações falsas sobre um possível lockdown após as eleições, o comitê resolveu antecipar a formalização das regras. 

“Nós passamos a pandemia toda enfrentando fakenews aqui no Estado do Ceará. E continuamos enfrentando isso agora na véspera da eleição. Estão espalhando por aí que a partir de segunda-feira teria um lockdown no Ceará. Venho dizer que essa é uma informação mentirosa, que tenta confundir a população do Ceará", disse.

Projeto do vereador Antônio Baixinho prevê pagamento de auxílio financeiro para trabalhadores autônomos vítimas de acidentes


O vereador Antônio Baixinho está concluindo seu mandato na Câmara de Iguatu. Na carreira política, o parlamentar acumula três mandatos (2001-2004/2013-2016 e 2017-2020), sempre lutando para levar benefícios para sua comunidade, Vila Neuma, Vila Moura e São Gabriel.

Antônio Baixinho não foi reeleito. Seus votos não foram suficientes para que ele pudesse renovar mais um mandato no legislativo iguatuense. 

De perfil coerente, justo, honesto e pautado sempre nas causas sociais, Antônio Baixinho se despede da Câmara, mas quer deixar mais uma marca, além de tantas que ele conquistou durante seus 24 anos na vida pública.

Para tanto, apresentou na terça-feira (24) um projeto de sua autoria que dispõe sobre a autorização para a concessão de auxílio pecuniário ao trabalhador carente e autônomo, vítima de qualquer acidente. A proposta tramita na Câmara. Depende da Mesa Diretora colocar a proposta em pauta para apreciação do plenário.

Na sessão da última terça-feira, Antônio Baixinho se pronunciou e fez um breve relato da sua carreira política e da sua chegada à comunidade de Vila Neuma. O parlamentar não quis justificar sua derrota, disse apenas que lhes faltou voto. O legislativo de Iguatu não será o mesmo a partir de 2021.

  


 

domingo, 22 de novembro de 2020

OPINIÃO: Passando a limpo o resultado das eleições em Iguatu


Findo o processo eleitoral de 2020, em Iguatu, e eis que saiu como vencedor o atual prefeito, Ednaldo Lavor.

Na verdade, não foi propriamente o Ednaldo prefeito que venceu o pleito.

Venceu o pleito, antes de tudo, o alto poderio financeiro, a máquina pública usurpadora, avassaladora, sendo utilizada, sem regras e sem pudor.

Venceu o pleito, não o Ednaldo prefeito, o gestor desgastado, incompetente, e sim, uma peça de marketing, travestida de matuto, do bem, usando como adorno um chapéu de palha.

Por sinal, o estrategista está de parabéns, pois conseguiu ofuscar a imagem de um gestor que não realizou quase nada, que abandonou os mais necessitados, os desvalidos, que priorizou “corriolas” de amigos, de parentes, de políticos, de empresários que só enxergam os seus próprios interesses.

Enfim, venceu a hipocrisia, perdeu os mais necessitados. 

A política tem dessas coisas. É o jogo. 

segunda-feira, 16 de novembro de 2020

ELEIÇÕES 2020: Confira a lista dos prefeitos eleitos no pleito de 15 de novembro


Com o fim da votação às 17h deste domingo, a Justiça Eleitoral já contabiliza os votos obtidos pelos candidatos a prefeitos nos 184 municípios cearenses. Em algumas cidades, já é possível saber o resultado.

Veja a lista dos prefeitos eleitos:

Abaiara - Afonso Tavares (PT)

Acarape - Edilberto (PDT)

Acaraú - Ana Flávia (PSB)

Acopiara - Antônio Almeida (MDB)

Aiuaba - Ramilson Moraes (PSD)

Alcântaras - Joaquim do Quinca (PDT)

Altaneira - Dariomar (PT)

Alto Santo - Joeni (PSD)

Amontada - Flávio Filho (PTB)

Antonina do Norte - Antonio Filho (PDT)

Apuiarés - Iris (PT)  

Aquiraz - Dr. Bruno Gonçalves (PL)

Aracati - Bismarck Maia (PTB)

Aracoiaba - Thiago Campelo (PDT)

Ararendá - Dr. Alexandre Felix (PT) 

Araripe - Cícero de Deus (PDT)

Aratuba - Joerly Vitor (Republicanos)

Arneiroz - Monteiro Filho (MDB)

Assaré - Liborio (PDT)

Aurora - Marcone Tavares (PSD)

Baixio - Zé Humberto (PDT)

Banabuiú - Edinho Nobre (PDT)

Barbalha - Dr. Guilherme (PDT)

Barreira - Dra. Auxiliadora (PSD)

Barro - Dr. Marquinélio (PSD)

Barroquinha - Jaime Veras (PDT)

Baturité - Herberlh Mota (PL)

Beberibe - Michele Queiroz (PL)

Bela Cruz - Netim Morais (PDT)

Boa Viagem - Regis (Solidariedade)

Brejo Santo - Gislaine Landim (PDT)

Camocim - Betinha (PDT)

Campos Sales - João Luiz (PDT)

Canindé - Rozário Ximenes (DEM)

Capistrano - Junior Saraiva (PSD)

Caridade - Simone Tavares (PDT)

Cariré - Antonio Martins (PDT)

Caririaçu - Edmilson Leite (PDT)

Cariús - Wilamar Palacio (PL)

Carnaubal  -Zé Weliton (PDT)

Cascavel - Tiago Ribeiro (Cidadania)

Catarina - Dr. Thiago (MDB)

Catunda - Ravenna (PDT)

Caucaia - Naumi Amorim e Vitor Valim (2º turno)

Cedro - Joãozinho de Titico (PDT)

Chaval - Sebastiãozinho (PDT)

Choró - Marcondes Jucá (PL)

Chorozinho - Dr. Júnior (PDT)

Coreaú - Edezio Sitonio (PDT)

Crateús - Marcelo Machado (Solidariedade)

Crato - Zé Ailton Brasil (PT)

Croatá - Ronilson Oliveira (MDB)

Cruz - Jonas Muniz (PSDB)

Deputado Irapuan Pinheiro - Gildecarlos (PDT

Ereré - Otoni Queiroz (PDT)

Eusébio - Dr. Acilon Gonçalves (PL)

Farias Brito - Deda (PDT)

Forquilha - Edinardo (PDT)

Fortaleza - Sarto Nogueira e Capitão Wagner (2º turno)

Fortim - Naselmo Ferreira (MDB)

Frecheirinha - Helton Luis (PDT)

General Sampaio - Chico Cordeiro (PDT)

Graça - Iraldice Mão Cheirosa (PDT)

Granja - Juliana Aldigueri (PDT)

Granjeiro - Chico Clementino (PSDB)

Groaíras - Adail Melo (PSB)

Guaiúba - Izabella Fernandes (PSB)

Guaraciaba do Norte - Adail Machado (MDB)

Guaramiranga - Roberlandia Ferreira (PDT)

Hidrolândia - Iris Martins (PDT)

Horizonte - Nezinho Farias (PDT)

Ibaretama - Elíria Queiroz (PSD)

Ibiapina - Marcão (PSB)

Ibicuitinga -  Franzé Carneiro (PDT)

Icapuí - Lacerda (PSD)

Icó - Laís Nunes (PDT)

Iguatu - Ednaldo Lavor (PSD)

Independência - Valdi Coutinho (PSD)

Ipaporanga - Amaro Pereira (PT)

Ipaumirim - Puica (PSD)

Ipu - Roberio Rufino (PC do B)

Ipueiras - Júnior do Titico (MDB)

Iracema - Celso Gomes (PT)

Irauçuba - Patrícia Barreto (PDT)

Itaiçaba - Frank Gomes (PDT)

Itaitinga - Paulo Cesar Feitosa (PL)

Itapajé - Dra. Gorete (PSD)

Itapipoca - Felipe Pinheiro (PT)

Itapiúna - Dário Coelho (MDB)

Itarema - Elizeu Monteiro (PDT)

Itatira - Zé Dival (PP)

Jaguaribara - Juju (PDT)

Jaguaribe - Alexandre de Zé Sérgio (PSD)

Jaguaretama - Glairton Cunha (PP): 926 votos (ele era o único candidato)

Jaguaruana - Roberto da Viúva (PDT)

Jardim - Dr. Aniziario Costa (PSB)

Jati - Monica Mariano (PSD)

Jijoca de Jericoacoara - Lindbergh (PSD)

Juazeiro do Norte - Glêdson Bezerra (sub-judice) (Pode)

Jucás - Edsonriva (PDT)

Lavras da Mangabeira - Ronaldo da Madeireira (PSD)

Limoeiro do Norte - Dr. Zé Maria (PSB)

Madalena - Sônia Costa (MDB)

Maracanaú - Roberto Pessoa (PSDB)

Maranguape - Átila Câmara (Solidariedade)

Marco - Roger Aguiar (PDT)

Martinópole - James Bel (PP)

Massapê - Aline Albuquerque Lora (PP)

Mauriti - Junior (PT)

Meruoca - Herton (PT)

Milagres - Figueiredo (PDT)

Milhã - Alan Macêdo (PL): 5.152 votos

Miraíma - Ednardo Filho (PL)

Missão Velha - Dr. Washington (sub-judice) (MDB)

Mombaça - Orlando Filho (MDB)

Monsenhor Tabosa - Salomão (PDT)

Morada Nova - Wanderley Nogueira (PT)

Moraújo - Áquila (PDT)

Morrinhos - Jerônimo Bradão (PT)

Mucambo - Canarinho (PDT)

Mulungu - Robert Viana (PL)

Nova Olinda - Dr. Italo (PP)

Nova Russas - Giordanna Mano (PL)

Novo Oriente - Nenen Coelho (Solidariedade)

Ocara - Amalia (PP)

Orós - Zé Rubens (PSD)

Pacajus - Bruno Figueiredo (PDT)

Pacatuba - Carlomano Marques (MDB)

Pacoti - Dr. Marcos (PT)

Pacujá - Raimundo Filho (PDT)

Palhano - Dinho do Zé do Honório (PT)

Palmácia - Davi Campos (MDB)

Paracuru - Beim (PDT)

Paraipaba - Ariana Aquino (Republicanos) 

Parambu - Romulo Noronha (Solidariedade)

Paramoti - Telvânia Braz (MDB)

Pedra Branca - Gois (sub-judice) (PSD)

Penaforte - Dr. Rafael (MDB)

Pentecoste - João Bosco (PDT)

Pereiro - Estevam (PDT)

Pindoretama - Dedé (PL)

Piquet Carneiro - Bismarck (PDT)

Pires Ferreira - Dra. Lívia (PDT)

Poranga - Carlos Antonio (PT)

Porteiras - Fábio (PTB)

Potengi - Edson Veriato (Psol)

Potiretama - Luan Dantas (PP)

Quiterianópolis - Dra. Priscila Barreto (PSD)

Quixadá - Ricardo Silveira (PSD)

Quixelô - Adil Junior (PT)

Quixeramobim - Cirilo Pimenta (PDT)

Quixeré - Toinho do Banco (PT)

Redenção - Davi Benevides (PDT)

Reriutaba - Pedro Humberto (PSB)

Russas - Savio Gurgel (PDT)

Saboeiro - Marcondes Ferraz (PDT)

Salitre - Dodo de Neoclides (Pros)

Santana do Acaraú - Meu Deus (PL)

Santana do Cariri - Dr. Samuel (DEM)

Santa Quitéria - Braguinha (PSB)

São Benedito - Saul Maciel (PDT)

São Gonçalo do Amarante - Professor Marcelão (Pros)

São João do Jaguaribe - Raimundo César (PSD)

São Luís do Curu - Chico Abreu (PC do B)

Senador Pompeu - Maurício Pinheiro (PDT)

Senador Sá - Bel Junior (sub-judice) (PP)

Sobral - Ivo Gomes (PDT)

Solonópole - Ana Vládia (PSD)

Tabuleiro do Norte - Dr. Rildson (PP)

Tamboril - Marcelo Mota (PDT)

Tarrafas - Taiano (PDT)

Tauá - Patricia Aguiar (PSD)

Tejuçuoca - Britinho (PSD)

Tianguá - Dr. Luiz (PSD)

Trairi - Gustavo (PP)

Tururu - Hilzete Marim (PSDB)

Ubajara - Renê (PDT)

Umari - Sandro Rufino (PSD)

Umirim - Felipe Uchôa (PSD)

Uruburetama - Branco do Angelim (PT)

Uruoca - Kennedy Aquino (PDT)

Varjota - Elmo Monte (PDT)

Várzea Alegre - Zé Helder (MDB)

Viçosa do Ceará - Zé Firmino (sub-judice) (MDB)

sexta-feira, 13 de novembro de 2020

ELEIÇÕES 2020: Em Iguatu, Agenor Neto dispara com 51,2% das intenções de voto. Segundo colocado tem 36%


Pesquisa realizada pelo Instituto Alencar Consultoria Empresarial LTDA, registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE/CE) sob o nº CE-08403/2020, aponta o candidato a Agenor Neto (MDB) liderando a corrida eleitoral com folga no município de Iguatu.

No levantamento estimulado, que é quando os nomes dos candidatos são apresentados ao entrevistado, os números são os seguintes:

Agenor Neto (MDB): 51,2% 

Ednaldo Lavor (PSD): 36% 

Na terceira colocação aparece o Tenente Mulato (PL) com 0,8%, Mácio (Psol) com 0,8% e Dr. Samuel Alves (PTB), 0,3%. Augusto Correia (PMN) e Carlos Silva (PSTU) não pontuaram.

Brancos e nulos: 4,6%. 

Não sabe ou não respondeu: 6,3%. 

No cenário da pesquisa espontânea, o resultado foi o seguinte: Agenor Neto, 50,1%; Ednaldo Lavor 35,8%; Mácio 0,8% e Tenente Mulato 0,5%. Os demais candidatos não foram citados.

A pesquisa também perguntou em quem o eleitor não votaria de jeito nenhum para prefeito. Ednaldo Lavor tem a maior rejeição, 32,2%; Agenor Neto tem 26%; Augusto Correia tem 8,1%; Tenente Mulato 4,6%, Mácio 1,9%, Carlos Silva 1,4% e Dr. Samuel 0,8%. Não sabem ou não responderam 25%.

A pesquisa foi realizada entre os dias 7 e 9 de novembro de 2020 e ouviu 369 eleitores em Iguatu. A margem de erro é de 5% para nível de confiança de 95%.


terça-feira, 27 de outubro de 2020

Aprovação do governo Bolsonaro sobe para 41,2% e desaprovação cai, aponta pesquisa


O governo de Jair Bolsonaro tem aprovação de 41,2% dos brasileiros, conforme pesquisa divulgada na última segunda-feira, 26, da CNT/MDA. Em maio, o índice estava em 32%.

Entre os que consideram o governo regular, o percentual de 22,9% subiu para 30,3%. Ainda segundo a pesquisa, 43,4% avaliavam a gestão como ruim ou péssimo em maio. Agora, são 27,2%.

O estudo ouviu 2.002 eleitores entre os dias 21 e 24 deste mês em 137 municípios. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais. O levantamento repercute a percepção do brasileiro sobre a pandemia e questões relacionadas à economia, como o auxílio-emergencial, preço dos produtos e serviços e renda mensal.

Agenor Neto lidera corrida eleitoral para a prefeitura de Iguatu

Instituto Zaytec Brasil divulgou a primeira pesquisa na disputa pela prefeitura de Iguatu. O candidato do MDB, Agenor Neto lidera com folga, com 44% de intenções de votos na pesquisa estimulada.

O atual prefeito de Iguatu, Ednaldo Lavor (PSD) vem logo em seguida com 29,5% dos votos. Em terceiro aparece o deputado Marcos Sobreira, com 7,3% de intenções de votos.

O tenente Mulato (PL) fica na quarta colocação com 1%, e o candidato do Psol, Mácio, com 0,3%.

Os candidatos Augusto Braga (PMN), Dr. Samuel (PTB) e Carlos Silva não pontuaram

A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sob o nº CE-04202/2020.  

O instituto ouviu 400 eleitores, entre os dias 22 e 25 de outubro. A margem de erro é de 5%.

 

terça-feira, 6 de outubro de 2020

Justiça Eleitoral poderá investigar cirurgias de catarata em troca de apoios políticos em Iguatu


É de gerar indignação em cada cidadão iguatuense a forma pela qual a Prefeitura de Iguatu vem tratando as pessoas que necessitam fazer uma cirurgia de catarata pelo Sistema Único de Saúde.

Uma situação de descaso, de desumanidade. Deixar dezenas de pessoas aguardando numa fila por mais de ano para um simples procedimento cirúrgico rápido e barato.

Após 3 anos e 9 meses de administração, com muitos recursos nos cofres municipais, só agora, na época do período eleitoral,  os responsáveis pela gestão do município vieram se atentar para as necessidades do povo.

E tem mais: conversas que correm nos bastidores da política local é que essas cirurgias de catarata estariam servindo como moeda de troca para o dia da eleição, um absurdo.

Um ato criminoso que deve ser investigado pela Justiça Eleitoral. 

Uma vergonha!


domingo, 4 de outubro de 2020

TSE defere registro de quatro candidaturas ao cargo de prefeito em Iguatu


O Tribunal Superior Eleitoral deferiu nesta sexta-feira (2) o registro de candidaturas para postulantes ao cargo de prefeito no município de Iguatu.

O deputado Agenor Neto, que disputa pelo MDB, foi o primeiro nome a ser deferido pela Justiça Eleitoral. Em seguida aparece, com seus registros deferidos, Carlos Silva (PSTU), Ednaldo Lavor (PSD) e José Mácio (PSOL).  

Ainda aguardam julgamento as candidaturas de Augusto Correia (PMN), Jarim Antunes (PMB), Marcos Sobreira (PDT) e Tenente Mulato (PL).

No pleito deste ano, oito nomes disputam o cargo de prefeito e 196 candidatos disputam 17 vagas na Câmara de Iguatu.

De acordo com sondagens eleitorais feitas para consumo interno dos partidos, o deputado Agenor Neto é o grande favorito, com a maior preferência do eleitorado. Em seguida vem o atual prefeito Ednaldo Lavor, e em terceiro o deputado estadual Marcos Sobreira.

O clima eleitoral em Iguatu, por enquanto, permanece tranquilo. É natural, para um início de campanha sendo feita dentro de um ambiente de pandemia.

domingo, 27 de setembro de 2020

Conheça as regras da campanha eleitoral que começou neste domingo (27) em todo o país


Foi dada a largada para a campanha eleitoral que vai eleger, este ano, prefeitos, vice-prefeitos e vereadores. A partir desta data os candidatos poderão pedir votos e divulgar propostas nas ruas, na internet e na imprensa escrita.

Na internet a publicidade eleitoral poderá ser feita nos sites dos partidos e dos candidatos, em blogs, postagens em redes sociais e aplicativos de mensagens, como WhatsApp e Telegram.

A Justiça Eleitora proibe o impulsionamento de publicações feitas por terceiros, o disparo em massa de mensagens e a propaganda em sites de quaisquer empresas, organizações sociais e órgãos públicos.

Nas ruas, ficam permitidas bandeiras móveis entre 6h e 22h, desde que não atrapalhem o trânsito de veículos e pedestres. Os carros de som só serão permitidos em carreatas, passeatas ou durante comícios e reuniões. Os candidatos também podem colocar em mesas materiais impressos de campanha.

Saiba o que pode e o que não pode nesse período:

Rua (liberados)

Distribuição de santinhos e adesivos será permitida até as 22h da véspera das eleições (14 de novembro);

Colocação de adesivos em bens privados como automóveis, caminhões, motocicletas e janelas residenciais, desde que não excedam a dimensão de 0,5m2. O material deve conter o

CNPJ ou CPF do responsável pela confecção, bem como de quem o contratou, e também a respectiva tiragem;

Até 12 de novembro: Comícios , das 8h às 0h, desde que avisado pelo menos 24 horas antes à autoridade policial. Apresentação de artistas estão vedadas;

Até 13 de novembro: anúncios na imprensa escrita desde que respeitem o tamanho máximo do anúncio por edição;

Até o dia 14 de novembro: Alto-falantes ou amplificadores de som podem ser utilizados das 8h às 22h, observando-se as restrições de local. Os equipamentos porém, não podem ser usados a menos de 200 metros de locais como as sedes dos Poderes Executivo e Legislativo, quartéis e hospitais, além de escolas, bibliotecas públicas, igrejas e teatros (quando em funcionamento).

Bandeiras e mesas para distribuição de materiais são admitidas ao longo das vias públicas, desde que não atrapalhem o trânsito de pessoas e veículo;

Carros de som ou minitrios são permitidos apenas em carreatas, caminhadas, passeatas ou durante reuniões e comícios, respeitando o limite de 80 decibéis e restrições de local;

Proibidos

Propagandas via telemarketing em qualquer horário.

Disparo em massa de mensagens instantâneas sem permissão do destinatário.

Na Internet (liberados)

Propagandas eleitorais são permitidas em sites dos candidatos, partidos e coligações. O endereço eletrônico deve ser comunicado à Justiça Eleitoral e hospedado em provedor estabelecido no país.

Mensagens eletrônicas são permitidas apenas para endereços previamente cadastrados gratuitamente pelo candidato, partido político ou coligação.

A campanha por meio de blogs, redes sociais, aplicativos de mensagens instantâneas, mas o conteúdo deve ser gerado ou editado pelos candidatos, partidos ou coligações. Todo impulsionamento deverá conter, de forma clara e legível, o número de inscrição no CNPJ ou CPF do responsável, além da expressão “Propaganda Eleitoral”.

Não pode

Veicular propaganda eleitoral em sites de pessoas jurídicas, com ou sem fins lucrativos, e em portais oficiais ou hospedados por órgãos ou entidades da administração pública direta ou indireta;

Impulsionamentos de posts e mensagens por terceiros.

Debates

Permitidos – até de 12 de novembro – em rádios ou canais de televisão, assegurada a participação de candidatos dos partidos com representação no Congresso Nacional de, no mínimo, cinco parlamentares.

*Com informações Agência Brasil 


quinta-feira, 3 de setembro de 2020

Agenor Neto anuncia data da convenção do MDB para dia 10 de setembro


O deputado estadual Agenor Neto, pré-candidato à Prefeitura de Iguatu, anunciou na noite desta quinta-feira (3), durante uma live para suas redes sociais, que a data da convenção partidária da sua legenda - o MDB - será dia 10 deste mês, em formato virtual.

Desde que formalizou sua pré-candidatura para disputa ao cargo de prefeito, Agenor Neto tem feito diversas visitas, tanto na zona rural, como na sede do município, e tem recebido um carinho especial da população.

Durante a live, que contou com a mediação do professor Dyego Feitosa, o deputado falou da dura decisão em aceitar disputa novamente o cargo de prefeito de Iguatu, função essa que ele assumiu durante oito anos, no período de 2005 a 2012.

Ele destacou que foi uma decisão difícil, mas que está preparado para assumir os destinos de Iguatu, caso seja eleito em 15 de novembro. "Irei para essa nova missão se assim o povo de Iguatu quiser, com garra, determinação, sabendo que não será fácil, mas estou pronto para a luta", disse.

 

terça-feira, 11 de agosto de 2020

Resultados da educação de Iguatu em 2019: "Seria cômico se não fosse trágico"

"Seria cômico se não fosse trágico" os resultados obtidos pela educação do município de Iguatu no Ensino Fundamental, em 2019. Os dados foram divulgados nesta terça-feira (11), pelo governador do Estado, Camilo Santana.

Enquanto vários municípios do Ceará, como Orós, por exemplo, chegou a conquistar três prêmios de Escola Nota 10, Iguatu, administrado pelo prefeito Ednaldo Lavor, mais uma vez passa batido na história.

Os resultados pífios obtidos por Iguatu não poderiam ser diferentes em uma administração que não sabe aonde quer chegar, sem rumo. 

Falta gestão, faltam investimentos e transparência na gestão dos recursos públicos. Falta compromisso e, acima de tudo, o primordial: a valorização dos profissionais da educação. 

Enfim, falta muito de quem tanto prometeu para chegar ao poder em 2017.

Iguatu merece bem mais!

Hospital e Maternidade Agenor Araújo ganha 10 leitos de UTI

O Hospital e Maternidade Agenor Araújo, em Iguatu, ganhou 10 novos leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) para atender pacientes em estado grave infectados pelo novo coronavírus.

A nova estrutura, inaugurada nesta segunda-feira (10), é fruto de um trabalho do deputado estadual Agenor Neto, em parceria com o governador do Estado, Camilo Santana.

O deputado Agenor Neto destinou parte de sua emenda parlamentar de R$ 1 milhão para que o Estado pudesse direcionar os recursos para o custeio dos leitos e equipamentos.

O equipamento será mantido com recursos do Governo do Estado (30%) e Governo Federal (70%), por meio do Ministério da Saúde.  

  


segunda-feira, 10 de agosto de 2020

Prefeita de Icó Laís Nunes segue disparada à reeleição

No município de Icó, no Vale do Salgado, a atual prefeita Lais Nunes (PDT) segue disparada como franca favorita para continuar no cargo por mais quatro anos.

Pelo menos é o que tem demostrado as mais recentes pesquisas de opinião realizadas para consumo interno do núcleo partidário da gestora.

Laís Nunes é esposa do ex-prefeito e ex-deputado Neto Nunes, e tem feito um bom trabalho, apesar de ter recebido o município bastante endividado das mãos do ex-prefeito Jaime Júnior, que inclusive ensaia disputar novamente o cargo.


segunda-feira, 27 de julho de 2020

Pandemia abre brechas para a corrupção eleitoral no Ceará. Ministério Público já investiga vários prefeitos


Faltando mais de 100 dias para as eleições municipais, e a disputa pela conquista do eleitor já virou motivos de disputas em todos os municípios do país. 

Apesar das medidas tomadas pelo poder público de isolamento social, por conta da pandemia do coronavírus, a maior parte dos políticos está mesmo preocupada é com o pleito deste ano, e as devidas articulações para o fortalecimento de seus grupos políticos.

O período é de pré-campanha eleitoral, mas para alguns, a disputa já está nas ruas, o que tem acendido o sinal de alerta para os órgãos de fiscalização, como é o caso do Ministério Público do Estado, que até o momento já instaurou 89 investigações de possíveis irregularidades eleitorais, dentre elas 12 relacionadas às ações voltadas para a pandemia.

São denúncias e procedimentos em fase de apuração, envolvendo compra de apoios políticos, distribuição de kit da merenda escolar, além de vídeos promocionais em rede sociais e até em paginas institucionais, como é o caso do prefeito de Iguatu, Ednaldo Lavor.

Numa ação recente do MP, o prefeito de Iguatu foi enquadrado em ato de improbidade administrativa por ter utilizado as ações da pandemia para promover a sua pessoa.

O fato, envolvendo o gestor, rendeu uma multa equivalente a 1,2 milhão de reais.

Há casos, também sendo investigados nos municípios de Quixelô, Catarina e Acopiara.

Em pleno período de pandemia, com milhares de pessoas afetadas pelo a Covid-19, infelizmente uma grande parte dos políticos não está nem aí para o problema. Uma vergonha!

segunda-feira, 6 de julho de 2020

Deputado Agenor Neto consegue agilização de obras de tapa buracos nas estradas de Suassurana e Barra


O Governo do Estado, por meio da Superintendência de Obras Públicas, está realizando a operação tapa-buracos nas estradas que dão acesso ao distrito de Suassurana e da Barra.

Na semana passada, o deputado estadual Agenor Neto esteve reunido com o governador Camilo Santana e, pessoalmente, solicitou agilidade no início desses trabalhos.

Durante a reunião com o chefe do executivo Estadual o deputado Agenor Neto também pediu agilidade na reconstrução das avenidas Cruzeiro do Sul e Perimetral. Os dois projetos estão prontos e devem iniciar em breve a fase de licitação.

Os dois projetos envolvem novo recapeamento com serviços de drenagem profunda; moderna iluminação e sinalização, promovendo, dessa forma, segurança e qualidade de vida aos condutores de veículos e pedestres. 


OPINIÃO: O novo Bolsonaro, o "Jair do B"

O presidente da República Jair Bolsonaro resolveu diminuir a fervura política em Brasília após mudar sua forma de se relacionar com os internautas nas redes sociais e com os demais meios de comunicação do país.

Bolsonaro têm evitado fazer declarações ásperas na grade onde ficam os repórteres, na saída do Palácio da Alvorada, em Brasilia.

O presidente também percebeu que a mudança tem lhe proporcionado menos estresse, por conta dos ataques que, até poucos dias, ocupavam 50% do noticiário de alguns telejornais do país, como é o caso da rede globo de televisão.

O novo Bolsonaro faz sucesso entre os que frequentam os corredores do planalto, que o apelidaram de Jair do B. 

Prego batido e ponta virada. PT de Fortaleza vai de Luizianne Lins para a disputa pela Prefeitura

O Partido dos Trabalhadores se reuniu e decidiu lançar o nome da deputada federal Luizianne Lins para disputar novamente o cargo de prefeita na Capital.

A decisão tomada agora, inclusive endossada por caciques do PT no âmbito nacional, como a deputada federal Gleisi Hoffmann e pelo candidato a presidente pelo partido em 2018, Fernando Haddad, torna delicada a situação de Camilo na sigla, empurrando-o para a porta de saída da legenda partidária.
Outro aspecto observado nos últimos passos do PT no Ceará é o distanciamento da aliança PT e PDT do ponto de vista local e nacional. 

As trocas de farpas entre o ex-presidente Lula e o ex-ministro Ciro Gomes parecem ter aberto feridas ainda sem cicatrização e, dificilmente as duas legendas estarão marchando juntas nas eleições das maiores cidades brasileiras.

Mais dinheiro nas contas das Prefeituras

O Governo Federal segue reforçando o Sistema Único de Saúde (SUS) para garantir o cuidado à saúde de todos os brasileiros no enfrentamento à Covid-19. Na quinta-feira o Ministério da Saúde autorizou, de uma só vez, o repasse de mais R$ 13,8 bilhões – maior valor já liberado em uma única fase.

O Ceará vai receber cerca de R$ 740 milhões, dinheiro que será distribuído entre os 184 municípios e o Estado. 

Para Iguatu, o governo está enviando uma boa quantidade de recursos. Mais de R$ 7,3 milhões de reais, dinheiro destinado para o reforço das ações no âmbito da saúde pública do município. 

Com esses repasses, Iguatu já soma quase R$ 15 milhões de reais só para o combate ao Covid-19. 
Acontece que o resultado da aplicação desse dinheiro não tem sido percebido pela população. Falta transparência.

sábado, 4 de julho de 2020

Após pintar postos de saúde, prefeito de Iguatu inaugura como se fosse obra nova


Se o presidente da República Jair Bolsonaro mudou seu comportamento beligerante, trocando seu “presidencialismo de colisão” pelo estilo “paz e amor”, ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), que se revezavam nos insultos contra o chefe do Poder Executivo, também experimentam uma espécie de “recuo tático”.

Muito embora a trégua seja apenas aparente. Os ministros do Supremo suspenderam as hostilidades, mas mantêm uma espada afiada sobre a cabeça do presidente. Se bobear, ela pode até ser “decepada”.

**

O Escritório Central de Arrecadação e Distribuição (Ecad), foi notificado a explicar no prazo de dez dias à Secretaria de Cultura do governo federal “a previsão legal, bem como quais são os critérios utilizados” para cobrar valores adicionais pelas “lives” feitas por músicos e grupos em redes sociais. O Ecad já recebe milhões dos contratos com YouTube, Spotify, Facebook etc e decidiu cobrar mais 5% sobre valor bruto dos patrocínios, como ocorre em eventos com público.

O sucesso das lives no isolamento fez a ganância do Ecad vencer a razão e decidir fazer a cobrança adicional, e retroativa a 20 de março.

O Ecad já foi alvo de CPI, mas merece uma visita da Polícia Federal. Esfola emissoras em nome de “direitos autorais”, mediante comissão de 10%.

***

O matraquear do ex-presidente Lula, durante entrevista à Rádio Bandeirantes, recentemente, fez parecer que sua voz saía das catacumbas. Discurso velho, decadente, de uma pretensa vestal que na verdade não passa de um político vulgar, com duas condenações transitadas em julgado.

***

O prefeito de Iguatu, Ednaldo Lavor tem usado suas redes sociais para anunciar a inauguração de postos de saúde. Na verdade o gestor tem feito algumas pinturas em alguns PSF’s de vários bairros da cidade, mas em suas redes sociais se pronuncia como se estivesse inaugurando uma nova unidade de saúde. Uma vergonha!


sábado, 20 de junho de 2020

Presidente do PSB cearense Denis Bezerra, com apoio do deputado Agenor Neto, monta grupo forte para disputa das eleições em Quixelô


O deputado federal e presidente do PSB do Ceará, Denis Bezerra está determinado a levar seu partido para um dos mais altos degraus da política cearense. 

Sendo assim, o parlamentar tem buscado lideranças influentes, tanto na capital como no interior cearense, com vistas ao processo eleitoral deste ano, quando serão eleitos prefeitos e vereadores em 184 municípios do Estado.

Nesse intuito, Denis Bezerra foi buscar na região Centro Sul do Estado o apoio do deputado estadual Agenor Neto para a formação de um grupo político forte para a disputa das eleições no município de Quixelô.

Recentemente, por meio de um vídeo divulgado nas redes sociais, o presidente do PSB cearense foi bastante enfático, ao reafirmar seu compromisso com o desenvolvimento de Quixelô e seu apoio à pré-candidatura de Adil Vieira, nome escolhido pelo PSB para disputar a prefeitura daquele município. 

Denis Bezerra também ressaltou a importância de eleger uma Câmara forte para Quixelô, com vereadores compromissados com o povo, e determinados a apoiar e aprovar os projetos necessários para melhorar a qualidade de vida da população Quixeloense.



quinta-feira, 18 de junho de 2020

COVIDÃO: Ministério Público investiga Prefeitura de Iguatu por supostas irregularidades em contratos sem licitação

A Prefeitura de Iguatu, Administrada pelo prefeito Ednaldo Lavor, se tornou alvo de investigações no uso do dinheiro enviado pelo Governo Federal para a prevenção e o combate à covid-19. Entre os meses de abril e maio a gestão do prefeito Ednaldo recebeu em suas contas cerca de R$ 7,6 milhões de reais. 

Acontece que, se aproveitando de um decreto de calamidade pública no município, o prefeito realizou diversos contratos com empresas para prestação de serviços e aquisição de insumos e outros materiais, todos realizados de forma direta, sem o devido processo licitatório.

Segundo o Ministério Público, dentre os procedimentos investigados pelo órgão consta um contrato realizado entre a Prefeitura de Iguatu e uma empresa distribuidora de medicamentos para aquisição de 5 mil kits de testes para Covid-19, por um valor de R$ 945 mil reais.

Em outro procedimento, o MP investiga a aquisição de cabines de higienização para desinfecção e prevenção do Covid-19 por um valor de R4 33 mil reais. O equipamento, conforme informações veiculadas na imprensa do Estado, está tendo sua eficácia questionada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária – a Anvisa.

O Ministério Público também investiga a realização de outro contrato com uma empresa que alugou banheiros químicos, grades e tendas por um valor de R$ 331 mil reais. Desse valor, a Prefeitura já pagou R$ 232 mil reais.

Também se encontra sob investigações possíveis irregularidades em dispensa de licitação para aquisição de máscaras de tecido para o combate ao covid-19.


OPINIÃO: Até que ponto vai o desperdício do dinheiro público que deveria ser usado na Covid-19

Grades foram alugadas por R$ 63 mil
Em meio às dificuldades na saúde pública do município, provocada por falta de gestão e agora intensificada pela crise do novo coronavírus, não dá para compreender gastos que estão sendo feitos pela Prefeitura de Iguatu, ações que não trazem nenhum resultado positivo para a população do município.

Grades foram alugadas por um montante de R$ 63 mil (FOTO)

Um fato que tem chamado atenção da população, um contrato feito pela prefeitura de aluguel de grades de isolamento, espalhadas em algumas ruas que dão acesso ao centro comercial.

Em outro caso, a aquisição de cabines de higienização e desinfecção, um equipamento cuja eficácia está sendo questionado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária – a Anvisa.

Tudo isso sendo pago com dinheiro do povo. Uma quantia que supera os 360 mil reais.

Um escândalo! 

segunda-feira, 1 de junho de 2020

MP suspeita de superfaturamento e determina que prefeitura suspenda a compra de testes de Covid-19


Os casos de suspeitas de compras superfaturadas com dinheiro federal para o combate ao novo coronavírus tem chamado a atenção dos poderes fiscalizadores no âmbito do estado e das prefeituras cearenses.

As ações, tem inclusive provocado operações da Polícia Federal. Foi o caso da Prefeitura de Fortaleza, onde as investigações apontam para a compra de respiradores com preços muito acima dos praticados por outros fornecedores.

A situação também se repete nas Prefeituras cearenses. É o caso de Iguatu.

Recentemente, através de um contrato sem o devido processo de licitação, a Prefeitura de Iguatu fechou com uma distribuidora de medicamentos a compra de 5 mil testes para Covid-19, por um valor de 945 mil reais.

O fato chamou atenção do Ministério Público local, que resolveu fazer uma comparação de preços, e viu indícios de irregularidades, inclusive com preços muito acima dos praticados por outras Prefeituras.

Diante das evidências de preços superfaturados, o órgão ministerial  recomendou que a gestão do prefeito Ednaldo Lavor suspendesse a compra.

Um fato chamou atenção no meio desse imbróglio: a Prefeitura só percebeu que os preços estavam muito acima do normal após a ação do ministério público local. No mínimo, uma situação esquisita. Uma vergonha.

terça-feira, 26 de maio de 2020

O milagre da pandemia em Iguatu


O estado de calamidade pública, por conta da pandemia do novo coronavírus, tem aberto "facilidades" para que gestores públicos possam contratar empresas para aquisição de produtos e ou prestação de serviços sem os devidos processos de licitação.

No município de Iguatu, administrado pelo prefeito Ednaldo Lavor, os contratos sem os devidos processos licitatórios correm soltos, e o mais interessante, em tempo hábil. Pelo menos é o que consta no Portal da Transparência.

Um dos exemplos práticos disso é a contratação feita pela Prefeitura, em tempo recorde, de uma empresa criada no dia 07/05, há 20 dias, para fornecer cabines, ou melhor, túneis de oxi-sanitização. O pagamento para a empresa "novata", inclusive, foi empenhado no dia 21 de maio, a um valor de R$ 33 mil reais. 

Um absurdo!


quarta-feira, 20 de maio de 2020

Câmara de Iguatu se reúne e aprova mais uma permuta de terreno público para atender interesses de particulares


O rolo compressor na Câmara de Iguatu atuou mais uma vez em favor da gestão municipal. Na semana passada, os vereadores da base do prefeito Ednaldo Lavor, juntamente com mais dois parlamentares da base política do ex-deputado Marcelo Sobreira, já haviam aprovado a troca de quatro terrenos na área urbana da cidade por um terreno na zona rural do município.

Além disso, mais outro projeto foi aprovado permitindo a permuta de terreno de área verde, esse pertencente ao município de Iguatu.

Na sessão plenária desta terça-feira (19), realizada por videoconferência, a mesma situação aconteceu. Doze vereadores aprovaram uma nova permuta. Dez parlamentares da base do prefeito Ednaldo Lavor e mais dois, os vereadores Mário Rodrigues e Vicente Reinaldo deram o veredicto final ao projeto.

A desculpa dos aliados do prefeito é de que o terreno vai servir para ampliar a infraestrutura da Faculdade de Medicina, faculdade essa que está na Justiça e que, certamente, não deve sair nem esse ano e nem em 2021.

Na verdade, o que se viu na atitude dos vereadores aliados do prefeito foi uma ação para beneficiar um empresário local, que está construindo o prédio para depois alugar à entidade que vai instalar os cursos na cidade.

Em tempos de pandemia, muitas coisas estranhas rondam a política de Iguatu. Vereadores que até outro dia eram ferrenhos opositores ao prefeito, agora se tornaram aliados, como é o caso dos vereadores Mário Rodrigues e Vicente Reinaldo.

O rolo compressor na Câmara turbinado pelo poder político e econômico, atuou mais uma vez em favor de interesses escusos e particulares, beneficiando empresários da cidade.

Que vergonha!

segunda-feira, 18 de maio de 2020

ESCÂNDALO: Prefeituras cearenses na mira da Polícia Federal por desvios de recursos da Covid-19


Um escândalo deve estourar junto às prefeituras cearenses com o uso do dinheiro enviado pelo governo federal para o combate ao Covid-19.

Casos e mais casos suspeitos de superfaturamento já estão sob a mira da Polícia Federal. A situação é muito grave. É dinheiro do povo que está sendo desviado para o bolso de pessoas inescrupulosas, de políticos e empresários.

São contratos realizados sem o devido processo de licitação, direcionados muitas vezes para os empresários amigos dos prefeitos.

Um dos casos que têm chamado atenção e está no portal da transparência é a compra de 5 mil kits de testes para a Covid-19, realizada pela Prefeitura de Iguatu. No contrato, o município deve pagar junto a uma distribuidora de medicamentos a quantia de R$ 945 mil reais.

Interessante é que esses mesmos kits podem ser adquiridos junto a outros fornecedores por um valor bem inferior, ou seja, R$ 750 mil, conforme pesquisa realizada na internet.

Um absurdo!

terça-feira, 12 de maio de 2020

Aposta em queda de Bolsonaro vira pó, após depoimento de ex-diretor da PF


Após seis horas de depoimento do ex-diretor-geral da Polícia Federal, foi reduzida a pó a aposta de parte do Congresso e de parte da imprensa brasileira na queda do atual governo Bolsonaro.

Em depoimento, o delegado Maurício Valeixo desmentiu o ex-ministro Sérgio Moro ao garantir que “em nenhum momento” houve manipulação ou tentativas de interferência do presidente Jair Bolsonaro na corporação que dirigiu até abril.

Valeixo também contou à PF que ficou sabendo da demissão em telefonema de Bolsonaro e não pelo Diário Oficial, como diz Moro.

Por sinal, o novato Sérgio Moro se deu mal porque não sabia que, em política, quase sempre é preciso combinar com os russos.

****
Um novo contrato para testes do coronavírus está sendo fechado pelo Governo do Estado para ter uma real noção de como está a contaminação pela Covid-19 no Ceará. O Estado é uma das regiões do país que mais têm testado sua população, ainda assim, é considerável a subnotificação dos casos.

****
O Governador do Estado Camilo Santana afirmou ontem, durante sua live para as redes sociais que vai levar para a barra dos tribunais os autores de uma série de notícias falsas sobre dados do Ceará que circulam nas redes sociais.

Segundo o governador, espalhar desinformação é crime, principalmente em tempos de pandemia, onde o foco maior deveria se concentrar no cuidar das pessoas.

****

E por falar em cuidar das pessoas, a população mais carente de Iguatu não perdoa o atual prefeito Ednaldo Lavor, que não teve sequer a sensibilidade de amenizar a situação difícil de centenas de famílias que estão passando necessidades por conta da crise do novo coronavírus.

A população até que reivindicou, implorou, usou as redes sociais, mas até agora nenhuma ação relevante por parte da gestão municipal foi feita em prol das comunidades mais carentes do município. Dinheiro tem, falta é gestão!

Uma vergonha!

segunda-feira, 27 de abril de 2020

Dinheiro da saúde: Prefeitura de Iguatu recebe em 5 meses mais de R$ 32 milhões

Iguatu, no Centro Sul do Ceará , tem sido um dos municípios cearenses que mais tem recebido recursos para a saúde nos últimos cinco meses. 

Conforme informações publicadas no site do Fundo Nacional de Saúde, do Ministério da Saúde, Iguatu já recebeu,entre dezembro de 2019 e abril deste ano, cerca de R$ 32 milhões de reais só para investimentos na saúde do município.

Apesar dos recursos, é constante a falta de medicamentos nos postos de saúde e CAPS; falta de médicos especialistas; exames; cirurgias eletivas e até de insumos básicos no Hospital Regional, como luvas.

Os vereadores da bancada de oposição iniciaram um trabalho de fiscalização sobre os recursos, e querem saber  como esse dinheiro todo está sendo utilizado e  gasto pelo prefeito Ednaldo Lavor. Querem, ainda, transparência na aplicação desse dinheiro.



domingo, 12 de abril de 2020

Leitos de UTI em hospital particular; a quem vai servir?


Pelas redes sociais, me deparo com um vídeo, mostrando 10 novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), montados no Hospital São Vicente, em Iguatu. Hospital particular, convém bem frisar.

E aí, eis que me veio a seguinte indagação: a quem vão servir esses 10 leitos de UTI? Aos mais pobres, quando forem acometidos da Covid-19?

Ou será uma espécie de retaguarda para socorrer os mais ricos, os abastados, quando esses mesmos vierem a contrair o coronavírus?

Quais foram os critérios adotados pelo gestor municipal para direcionar (credenciar) esses leitos em um hospital particular, ao invés de colocá-los em um hospital público? Esses leitos não poderiam ter sido instalados no Hospital e Maternidade Agenor Araújo, por exemplo?

Pelo visto, mesmo em uma crise tão grave, os erros se repetem, e mais uma vez o povo não foi consultado. Um escândalo. Um descalabro, promovido pelo dinheiro público, até porque todo custo será financiado pelo SUS.

Cabe, por parte da população, no mínimo um gesto de indignação na forma pela qual o povo mais pobre está sendo tratado nesse momento.

Até quando!

sexta-feira, 3 de abril de 2020

Filho do deputado Agenor Neto, engenheiro Ilo Neto se filia ao PSB


O engenheiro civil, Ilo Neto se filiou nesta sexta-feira (3) ao Partido Socialista Brasileiro (PSB). O jovem engenheiro é filho do deputado estadual e ex-prefeito de Iguatu, Agenor Neto.

O presidente do PSB no Ceará, deputado Denis Bezerra disse que a filiação de Ilo Neto soma ainda mais ao partido no interior do Ceará.

Além de carismático, Ilo Neto carrega nas suas veias o sangue do seu avô, o grande líder político da região Centro Sul, o médico e ex-deputado estadual, José Ilo Dantas, que inclusive foi prefeito de Quixelô por vários mandatos.

terça-feira, 31 de março de 2020

Opinião: Caos social em plena crise do coronavírus e a omissão dos gestores públicos


Com a crise provocada pelo coronavírus, muitos prefeitos cearenses tem tomado medidas exemplares para proteger milhares de famílias que estão nesse momento desamparadas.

Com o decreto do governo do Estado que determinou o isolamento social e o consequente fechamento de muitos comércios, muitos profissionais autônomos estão nesse momento sem poder exercer suas atividades diárias, e sem trabalho não há como garantir o sustento diário para suas famílias.

A lei do país é clara nesse aspecto. É dever de todo gestor público promover o bem estar social das pessoas, mesmo em tempos de grave crise social.

Infelizmente, muitos preferem se esconder, são omissos. É o caso do prefeito de Iguatu, Ednaldo Lavor que até o momento não teve nenhuma iniciativa para amenizar a situação de centenas de famílias carentes do município.

Como medidas para diminuir a situação de dificuldades dessas famílias afetadas pela crise do coronavírus, por exemplo, o prefeito poderia começar isentando centenas de famílias do pagamento da tarifa de água, seguindo o exemplo do próprio governo do estado, Camilo Santana.

Outras ações poderiam ser implementadas pela prefeitura de Iguatu no campo da assistência social, porque na verdade, o dinheiro existe.

segunda-feira, 30 de março de 2020

OPINIÃO: CARTEL DOS COMBUSTÍVEIS EM IGUATU


A Petrobrás anunciou na semana passada a queda de mais de 40 por cento no preço da gasolina nas refinarias do país. O menor acúmulo registrado nos últimos nove anos, segundo a estatal.

Apesar disso, nas bombas, a gasolina tem tido uma redução tímida, numa média de 2% de janeiro até agora.

Um escândalo.

Na cidade de Iguatu, no Centro Sul do Ceará, a situação é a mesma. Os donos de postos de gasolina não tem respeitado a queda no preço do produto, e continuam vendendo o combustível na base de preço combinado, uma espécie de "cartel", que desafia até os órgãos fiscalizadores do município.

Não há como admitir que no meio de tanta variação no preço da gasolina, para baixo, por sinal, os donos de postos de combustíveis de Iguatu continuem na base do faz de conta, onerando de forma absurda e criminosa o bolso do consumidor iguatuense.

Uma vergonha!

sábado, 14 de março de 2020

Para reforçar time em 2020, PSL realiza filiações em Iguatu


Para reforçar o time para a eleição de 2020, o Partido Social Liberal (PSL), realiza neste domingo (15), um dia de filiações em Iguatu.

O evento será realizado no distrito de Barro Alto, e vai contar com a presença do deputado federal Heitor Freire (PSL). 

Segundo o presidente do diretório municipal da legenda, Kaoma Pereira, um dos nomes que deve aderir ao projeto do partido é do ex-vereador Nelho Bezerra, que em 2018 disputou o mandato de deputado federal pelo Pros.

Além de Nelho Bezerra, outros nomes da política devem engrossar as fileiras do PSL de Iguatu.

terça-feira, 18 de fevereiro de 2020

Iguatu passa a contar com voo comercial, a partir desta terça-feira (18)


O município de Iguatu passa, a partir de agora, a contar com voo comercial para Fortaleza as terças e quintas-feiras. Além disso, o aeroporto Tome da Frota recebeu melhorias para receber e acomodar passageiros.

O governador Camilo Santana acompanhou a chegada do avião juntamente com outras autoridades, entre elas, o deputado estadual Agenor Neto. “A chegada desses voos vai tornar Iguatu atrativo para novos investimentos, uma conquista da região Centro Sul”, disse o deputado.

Muita festa para receber as autoridades. Após vários anos, Iguatu tem novamente um voo comercial a disposição da população. Um fato histórico, que com certeza vai influenciar no desenvolvimento regional.

A aeronave Grand Caravan, da empresa Two Flex, tem capacidade para nove pessoas – mais a tripulação.




quarta-feira, 29 de janeiro de 2020

PDT e PT se distanciam na disputa por prefeituras


O Partido Democrático Trabalhista (PDT) espera eleger pelo menos 500 prefeitos nas eleições deste ano.

No último pleito municipal, em 2016, a legenda venceu a disputa em 300 cidades.

A previsão é do presidente do partido Carlos Lupi, que ainda afirma que o PDT está dando prioridade para as capitais e cidades com dois turnos.

Distante do PT, Lupi afirma que o PDT costura alianças com outras legendas de esquerda, como o PSB, Rede e PV.

O PDT também tem mantido conversas com o DEM para a disputa de prefeituras de capitais do Nordeste, onde o PT governa 4 estados.

Ganho de servidores estaduais em pauta

Após um período de descanso no exterior, o governador Camilo Santana retorna hoje a suas atividades, e já vai receber o secretário da saúde, Dr. Cabeto para tratar das planilhas com ascensão dos servidores estaduais.

Uma das prioridades é melhorar os ganhos para trabalhadores de nível médio que, na avaliação do governo, têm remuneração bem abaixo do ideal.

Camilo também deve avaliar o projeto de nova reestruturação dos agentes da segurança pública, que envolve policiais civis, militares e bombeiros.

As duas propostas, tanto da saúde como da segurança pública devem ser encaminhadas para a Assembleia Legislativa já no reinício dos trabalhos, em fevereiro.

Quem é o vice?

No panorama político local, não se fala em outro assunto: quem é o vice de quem.

Pelo visto, essa pergunta deve permanecer sem resposta até o prazo final para as convenções partidárias, no início de agosto.

Até lá, muito disse me disse, boatos, que muitas vezes só interessam aos seus próprios autores.



segunda-feira, 27 de janeiro de 2020

Descaso no transporte público da saúde de Iguatu


Continua repercutindo de forma negativa, nas redes sociais e em outros meios de comunicação, o caso do ônibus da Prefeitura de Iguatu que foi apreendido por estar com 3 anos sem renovar o licenciamento, além de 86 multas e uma restrição.

O veículo transportava de volta para suas residências, em Iguatu, diversos pacientes que fazem tratamento contínuo em Fortaleza, quando foi abordado pela Polícia Rodoviária e preso.

O fato causou ampla repercussão na cidade, afinal com tanto dinheiro que entra nos cofres da Prefeitura, não regularizar o ônibus estaria beirando, no mínimo a um crime por improbidade administrativa.

Afinal, são vidas de pessoas que estão em jogo. Uma vergonha!


Ex-prefeito de Iguatu Aderilo Alcântara de volta aos recursos hídricos do Estado


O ex-prefeito de Iguatu, Aderilo Alcântara assumiu nesta segunda-feira (27) o cargo de secretário executivo da Secretaria de Recursos Hídricos do Ceará - SRH.

A posse contou com a presença do titular da SRH, Francisco Teixeira, do deputado estadual Agenor Neto, do secretário adjunto Ramon Flávio, além do vereador Edson Adriano e Agenor Filho.

Aderilo já havia assumido a pasta antes, e fez um bom trabalho, tendo inclusive, coordenado projetos importantes como o Cílios do Jaguaribe e o projeto de avaliação Hidrogeológica Qualiquantitativa da Bacia Sedimentar de Iguatu.


segunda-feira, 20 de janeiro de 2020

Desgastado politicamente, prefeito de Iguatu apela para o corpo a corpo com a população


Desgastado politicamente junto à população do município, o prefeito de Iguatu, Ednaldo Lavor, iniciou o ano fazendo movimentos junto às comunidades rurais. Segundo os próprios assessores, o prefeito tem pretensões de disputar um novo mandato e, por conta disso, iniciou suas andanças pelo interior do município.

Neste final de semana, o gestor esteve na zona rural para inaugurar um sistema de abastecimento de água. No local, para prestigiar o evento, apenas servidores com cargos comissionados da gestão. O fato foi narrado por uma internauta que, após registrar o fiasco do evento, lamentou a ausência da população.

Mesmo diante das circunstâncias, a equipe do prefeito tem mantido um esforço para jogar a imagem do gestor na mídia, criando situações, de certa forma, hilariantes. Um exemplo prático é o fato de o prefeito gravar vídeos dançando forró, e em seguida compartilhar nas redes sociais.



terça-feira, 14 de janeiro de 2020

ELEIÇÕES 2020: Vereadores de Iguatu em estado de atenção


À espera das definições sobre a formação das chapas proporcionais, vereadores da Câmara de Iguatu já se movimentam para tentar clarear um cenário deveras complicado.

A imprevisibilidade do resultado do próximo pleito, devido ao fim das coligações proporcionais, tem elevado o temor por parte de alguns parlamentares quanto ao não retorno ao legislativo municipal.

A Câmara de Iguatu, hoje, é composta por 17 vereadores. 10 compõe a base do prefeito e 7 parlamentares se dividem em dois blocos de oposição.

E pelas estimativas é muito provável que possamos ter 60% de renovação.

É o povo que está reagindo, dando o troco para os políticos que só trabalham em época de eleição.

Uma vergonha!

segunda-feira, 13 de janeiro de 2020

REBULIÇO NO PDT DE IGUATU


As evidências são fortes. O anúncio da ida da ex-deputada Mirian Sobreira para o PT provocou um tsunami nas hostes do diretório regional do Partido Democrático Trabalhista, comandado pelos irmãos Ferreira Gomes (Cid e Ciro Gomes).

Surpresas devem ocorrer num futuro próximo. As consequências seria um esvaziamento do PDT em Iguatu.

Mirian se filia ao PT no final de janeiro. O objetivo é disputar a Prefeitura de Iguatu com o apoio de Lula. Pelo menos seria essa a ideia, ainda um pouco distante.

Lembrando: Mirian disputou a Prefeitura de Iguatu duas vezes. Perdeu na primeira para o ex-prefeito Agenor Neto (12 mil votos). Em seguida foi derrotada pelo ex-prefeito Aderilo Alcântara (10 mil votos).

O jogo político em Iguatu começou. Quem viver verá.


Descaso no CAPS de Iguatu

O descaso administrativo promovido pela administração do prefeito Ednaldo Lavor levou a promotoria de Justiça de Iguatu, a solicitar, em caráter de urgência, providências quanto a real situação de abandono em que se encontra o Centro de Atenção Psicossocial da Criança e do Adolescente do município.

Falta de alvará de funcionamento junto ao Corpo de Bombeiros; falta de privacidade para os atendimentos e acessibilidade; ausência de profissionais durante a inspeção, foram alguns dos problemas encontrados pela promotoria de Justiça.

Uma vergonha!

Por meio de documento, a 3ª Promotoria solicitou, no prazo de 15 dias, a regularização dos problemas identificados durante a visita do órgão, sob pena de adoção de medidas judiciais e extrajudiciais cabíveis.

Definições para as eleições deste ano passa pela janela eleitoral

Senador Cid Gomes que fazer 100 prefeitos no CE
Em ano eleitoral, e as atenções do povo começa a se voltar para as eleições municipais, um ano em que a população vai escolher prefeito e vereadores nos mais diversos municípios do país.

Será um ano duro, conturbado, de acirramento das campanhas, do corpo a corpo entre o candidato e o eleitor.

No Ceará, os velhos caciques da política já começam a se manifestar. É o caso do senador Cid Gomes, que pediu licença do Senado para comandar as articulações até o início de abril, data em que tudo já estará definido por conta da janela eleitoral.

Por sinal, quem estiver disposto a mudar de partido sem correr o risco de perder o mandato deve aguardar a abertura da janela eleitoral, que deve acontecer no início de março.

Até lá, se destaca o jogo das especulações eleitorais. Fala-se até na saída de Camilo Santana do PT. Nos bastidores, comenta-se que Camilo estaria ingressando nos quadros do Partido Socialista Brasileiro - o PSB.